Cinco Votos para Obter Poder Espiritual.

Primeiro - Trate Seriamente com o Pecado. Segundo - Não Seja Dono de Coisa Alguma. Terceiro - Nunca se Defenda. Quarto - Nunca Passe Adiante Algo que Prejudique Alguém. Quinto - Nunca Aceite Qualquer Glória. A.W. Tozer

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Pastor Lucinho - Como Surgiram as Outras Famílias

   
Será que ele tem noção o que essa explicação pode causar???







O autor do vídeo afirma que existem 3 teorias sobre as mulheres de Caim e Abel, mas na realidade existem quatro e a quarta que não foi mencionada é mais correta porque tem fundamentação bíblica. Em Gn. 6: 4 a Palavra afirma que “E foram os dias de Adão, depois que gerou a Sete, oitocentos anos, e gerou filhos e filhas”.
Qualquer estudante do primeiro semestre de um curso de teologia, e não precisa ser dos melhores, sabe que a Bíblia quando trata de genealogia somente cita nomes de homens, observando uma prática das culturas da época. Em qualquer genealogia não encontramos nomes de mulheres, porque isso não fazia parte do costume da época. Assim sendo, a Bíblia nos informa somente sobre homens e suas genealogias. Então Deus não precisava criar mulheres para Caim e Abel, pois Adão e Eva já haviam feito isso. Fica a pergunta: “Irmãos casavam com irmãs, primos com primas etc.?” A Reposta é um sonoro sim. Para cumprir a ordem de multiplicar e povoar a terra esse era o método normal e não havia outro que pudesse substituir. O problema de casamentos entre parentes e a consequente geração de filhos com possíveis problemas não remonte aos primórdios da história da raça humana, mas é bem posterior a isso.

2 - Quando estudamos teologia e isso não é conhecimento oculto somente para os sábios e suprassumos do saber, mas está ao alcance de todos, aprendemos que Deus trabalhou na criação até o 6º. Dia e depois descansou. Isso implica que Ele não mais criou coisas ou pessoas imediatamente, pois isso havia terminado com a criação do homem. Daí para frente Deus continua Deus criador, não mais imediatamente, mas mediante aquilo que foi criado por Ele, ou seja, Deus continua criando homens e mulheres através de seus pais, continua criando as ervas do campo através do polinização. Então o Criador nunca criaria mulheres para Caim e Abel fazendo-os dormir e tirando destes suas companheiras como fez com o primeiro casal.

3 - Deus não poderia criar esposas para Caim e Abel conforme crê o pastor do vídeo. Deus na concepção do autor do vídeo pode fazer qualquer coisa indiscriminadamente. A onipotência de Deus está limitada pela sua própria natureza. Assim sendo, ele não poder fazer aquilo que vai de encontro a sua natureza como: pecar, mentir, negar a si mesmo, criar uma pedra tão pesada que Ele não consiga carregar, criar um círculo quadrado ou uma água seca. Então essa concepção que Deus pode fazer tudo indiscriminadamente é infantil e enganosa. Assim sendo, Deus nunca poderia criar esposas para Caim e Abel, pois se tivesse feito estaria quebrando seu descanso e mesmo introduzindo na raça humana mulheres ou seres humanos sem pecado, ou seja, as prováveis mulheres criadas por Ele para Caim e Abel não participariam da natureza pecaminosa de Adão e ai seriam sem pecado, podendo neste caso, não pecar.
Vamos especular um pouco. Se tivessem sido criadas tais mulheres e estas soubessem do horror e tragédia do pecado, poderiam optar por não pecar. Se isso acontecesse tais mulheres não precisariam de um Salvador e portanto a morte de Cristo na cruz não as alcançaria com seus efeitos benéficos. Seriam seres na condição primeira de Adão e Eva vivendo em um mundo contaminado pelo pecado não precisando de serem salvos. Dia concluirmos que Deus nunca criaria diretamente mulheres para Caim e Abel, pois estaria negando seu plano eterno que implicaria na morte de Cristo pelo ser humano pecador. Portanto, todos os seres humanos após Adão e Eva nascem pecadores e por isso pecam e daí necessitarem de um salvador que é Jesus Cristo.

4 - Adão e Eva foram os representantes da raça humana e o que eles fizeram de errado no Éden foi imputado/repassado para todos os seus descendentes. Dentro do plano de Deus este nunca poderia ter perdoado o homem como um ato de sua soberana vontade, como se dissesse após o pecado: “Eu perdoo vocês pelo pecado cometido”. Não poderia fazer isso porque a ofensa dos primeiros pais humanos implicava em ter de cumprir a justiça de Deus para se alcançar a salvação, e isto foi conseguido na pessoa de Cristo que exerceu a obediência passiva e ativa, sem a qual nunca haveria salvação para ser concedida ao homem. Assim se houvesse criação de seres após o pecado, o plano salvífico de Deus seria anulado e este seria um ser frustrado porque não haveria outro plano de salvação a ser realizado, porque haveria seres humanos sem pecado andando pela face da terra, desconhecedores da vileza do pecado e ao mesmo desconhecedores da graça salvadora de Cristo. Este plano de salvação implica na vinda, morte e ressureição de nosso Senhor Jesus Cristo. Sem isto não há salvação para o homem.
Gostaria de tecer mais alguns comentários, mas deixo isso para outros que queiram aprofundar um pouco mais nestas questões.
Vale o alerta que Tiago nos diz em sua epistola: “Meus irmãos, muitos de vós não sejam mestres, sabendo que receberemos mais duro juízo”. Tg. 3:1

Soli Deo Gloria

Pr. Luiz Fernando R. de Souza

Redes Sociais

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...